O Árabe

Idéias, sentimentos, emoções. Oásis que nos ajudam a atravessar os trechos desérticos da vida...

sexta-feira, 1 de dezembro de 2017

SOBRE O AMOR


O amor não é uma moeda de troca.

Não o podeis utilizar para adquirir a felicidade, ou a segurança; e nem para realizar os vossos sonhos. Porque o amor é, ele próprio, um sonho; e não existe, senão enquanto o sonhais.

O amor é o caminho pelo qual passeais entre os jardins da felicidade; e é apenas durante estes passeios, que podeis admirar a beleza das suas flores e sentir os seus doces aromas.

Não vos enganeis, porém, acreditando que neles possais estar todo o tempo. A felicidade não é deste mundo; é como uma aragem encantada, que por vezes perpassa em vossas almas
.
O amor não pode ser visto como um meio; ou, tampouco, como um fim. Ele não é o bilhete da passagem, nem o local da chegada. Ele é a própria viagem, com seus percalços e encantos.

Esta é uma verdade que necessitais aprender. O amor é a sua própria recompensa; nada vos trará, além da felicidade de que desfrutais durante os momentos em que ele vos preenche.

O amor não é o mensageiro da felicidade ou do sofrimento. Ele é um dos aposentos da Mansão da Eternidade, onde sofrimento e felicidade estão; e vos cabe escolher entre os dois.

E eu vos asseguro que nada tendes a ganhar com o amor, senão o próprio enlevo de vivê-lo. Outras recompensas ele não vos trará e nada existe que ele vos possa garantir para o futuro.

Porque o amor é o incenso do Universo; e, como a todo incenso acontece, o que dele podeis desfrutar é o suave encanto em que a sua fumaça perfumada envolve os vossos corações.

Do amor nada podeis esperar, senão a sua própria magia; e, contudo, se lhe abrirdes as vossas almas, ele vos levará por paisagens lindas, que não conheceríeis sem tê-lo como guia.

Sede, portanto, gratos ao amor. E sabei que jamais será perdido o tempo que a ele consagrardes; ele vos traz os maiores sonhos, os mais intensos prazeres e os mais doces sorrisos.

É em vossos corações, e não em vossas mentes, que o amor pode reinar soberano; e não deveis esperar outras recompensas, além de dar-lhe as mãos e voar com ele em meio às nuvens.

Quando realmente amais, ainda que o amor se vá não deixará em vós um travo amargo de frustração, ou arrependimento; mas doces lembranças, que vos farão sorrir em meio à saudade.

Pois, se após uma separação só vos restar a sensação de mágoa, de haverdes desperdiçado um tempo em que outras coisas poderíeis ter feito, não foi a voz do amor que ouvistes.

Apenas vos deixastes iludir pelas vozes das vossas esperanças.


Música:
http://ohassan.dominiotemporario.com/marco/richardclayderman_unalacrimasulviso.mid


Vejam que vídeo lindo: https://youtu.be/wvc7dMYhK3g

20 Comentários:

Blogger Olhos de mel disse...

Lindo post, Árabe! E que musica viu? Fiquei emocionada. O amor é o sonho que nos faz caminhar rumo ao coração do universo, ainda que no caminho, os percalços aconteçam. Mas assim é a vida.
Linda imagem!
Bom fim de semana! Beijos

1 de dezembro de 2017 17:46  
Blogger ✿ chica disse...

Que lindo,Árabe e viver um amor não tem nada melhor e saber mantê-lo aceso em nós é preciso! Lindo fds! abração,chica

2 de dezembro de 2017 00:55  
Blogger Arco-Íris de Frida disse...



O amor ao outro é o reflexo do que trazemos em nos... ninguem ama muito alguem se nao se ama muito, cada um da o que tem... quem sofre horrores no amor, na verdade nao ama, fez do outro uma ilusao depositando nele a esperança de suas carencias...
Amor é doaçao, pode-se receber ou nao de volta o mesmo sentimento... se nao receber, a tristeza virá, mas com ela a certeza que foi doado o melhor de nos e que nao se perdeu tempo, mas que seguir em frente é a melhor opçao... se receber de volta, se tem a certeza que se achou a maior dadiva do mundo, o encontro de corpo e de alma entre duas pessoas...

Arabe, meu bom amigo... que vc tenha uma semana abençoada de paz e harmonia...

PS: Estranho vc nao ter conseguido comentar, nao sei mexer no blog direito, mas outras pessoas comentaram, vou tentar ver o que aconteceu.


3 de dezembro de 2017 03:00  
Anonymous Anônimo disse...

Lágrimas Irmão.
Saudades
Forte abraço
Sérgio

3 de dezembro de 2017 06:02  
Blogger CÉU disse...

Essas "coisas" do amor, acho que dependem de pessoa para pessoa, mas eu acho que há amores unilaterais e bilaterais. Não sei quantas pessoas ficarão satisfeitas só por amar e não serem ou serem pouco amadas, não sei, mas poucas, decerto.

Ninguém ama, do mesmo jeito, nem com a mesma intensidade, ou seja, há sempre um que ama melhor e outro, que ama mais, mas viver das recordações não é solução, não consola. Entende?

Eu prefiro a paixão, dure o que durar, mas é verdadeira e intensa. Amor causa dependência e acomodação.

Abraços e boa semana, estimado amigo!

3 de dezembro de 2017 17:08  
Blogger Fá menor disse...

Muito bela reflexão.
Haja o que houver, só o amor vale a pena.

Boa semana!
Abraço amigo.

4 de dezembro de 2017 03:58  
Blogger Ailime disse...

Boa tarde meu Amigo e bom Árabe,
Que post tão lindo, melodioso, sobre o amor.
Nem tenho como comentar, porque o amor é um sentimento tão digno e merecedor do maior respeito que não quero macular tudo o que escreveu sobre este nobre sentimento de uma forma tão bela.
Permita-me que destaque: "Não vos enganeis, porém, acreditando que neles possais estar todo o tempo. A felicidade não é deste mundo; é como uma aragem encantada, que por vezes perpassa em vossas almas . O amor não pode ser visto como um meio; ou, tampouco, como um fim. Ele não é o bilhete da passagem, nem o local da chegada. Ele é a própria viagem, com seus percalços e encantos". Sublime!
Obrigada, amigo, por este momento que encheu o meu coração.
Gostei imenso de recordar a primeira música e o vídeo é encantador. Magnífica música também.
Beijinhos e boa semana.
Ailime

4 de dezembro de 2017 10:47  
Blogger Maria Luzia Araujo disse...


Boa noite meu amigo!

Desculpa Árabe, ando um tanto apagada, perdemos um colega de trabalho, convivência de muitos anos, uma pessoa muito boa e querida por todos. A verdade é que nunca estamos preparados para tanto. Bem, o texto é lindo! Penso que, amar é a mais perfeita da bondade humana, acima de tudo o amor. Fica com Deus, grande abraço e obrigada!

4 de dezembro de 2017 16:54  
Blogger Mariazita disse...

Árabe, meu amigo
Acho excelente esta reflexão sobre o Amor.
Há, contudo, um ponto com o qual estou em desacordo:
"nada tendes a ganhar com o amor"
Pois eu acho que só temos a ganhar com o Amor.
O Amor que temos pelos filhos... dá-nos a ganhar a retribuição desse Amor.
Do grande Amor que eu e meu marido vivemos... nem vale a pena falar.
Se ele (Amor) não tivesse existido, agora eu não teria as boas recordações que tenho. E ia viver de quê???

Com tudo o resto concordo em absoluto e penso que é uma análise PERFEITA.

Votos de uma boa semana.
Beijinhos
MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS

5 de dezembro de 2017 10:19  
Blogger Ontem é só Memória disse...

Tens toda a razão nas tuas palavras!

Bjxxx
Ontem é só Memória | Facebook | Instagram

6 de dezembro de 2017 11:42  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Olhos de Mel! E você tem razão: assim é a Vida... e sempre vale a pena! Bom fim de semana.

8 de dezembro de 2017 07:47  
Blogger O Árabe disse...

Disseste tudo, Chica: é preciso! :) Obrigado, amiga; bom fim de semana.

8 de dezembro de 2017 07:48  
Blogger O Árabe disse...

Verdade, Arco-Íris: precisamos amar a nós mesmos, antes de sermos realmente capazes de amar outro alguém. E estou feliz, amiga: consegui voltar a comentar por lá! Gosto de manter a nossa comunicação. Bom fim de semana, obrigado!

8 de dezembro de 2017 07:52  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, irmão, por nossa amizade! Grande abraço, bom fim de semana.

8 de dezembro de 2017 07:52  
Blogger O Árabe disse...

Concordo com quase tudo que dizes, Céu. Apenas, não sei se o amor causa dependência ou acomodação... o amor é algo muito forte e vivo, em constante mutação, eu acho. Obrigado, amiga; meu abraço, bom fim de semana.

8 de dezembro de 2017 07:54  
Blogger O Árabe disse...

Por aí, Fa... ou faz a vida valer a pena, não é? :) Obrigado, bom fim de semana!

8 de dezembro de 2017 07:55  
Blogger O Árabe disse...

Obrigado, Ailime, por sua gentileza e amizade! Quanto a ver o Amor como um objetivo, é realmente um erro: eu acredito, mesmo, que ele é a própria viagem! Concordamos sobre as músicas: são lindas! Bom fim de semana, minha amiga.

8 de dezembro de 2017 07:58  
Blogger O Árabe disse...

Triste com a sua tristeza, Maria Luzia; mas tenho certeza, amiga, que as boas recordações em breve serão mais fortes que a dor da perda e lhe servirão de consolo. Assim são o amor e a amizade! Obrigado, bom fim de semana; fique bem!

8 de dezembro de 2017 08:01  
Blogger O Árabe disse...

Mas é exatamente isso, Mariazita: nada temos a ganhar com o amor... senão o próprio amor; e ele preenche toda a nossa vida! :) Acho que estamos, sim, em perfeito acordo; afinal, esta é a mensagem. Obrigado, amiga; bom fim de semana!

8 de dezembro de 2017 08:03  
Blogger O Árabe disse...

Grato, Isy; bom fim de semana, amiga!

8 de dezembro de 2017 08:03  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial

Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Real Time Web Analytics Clicky